O que é e o que faz um Relações Públicas

O que é e o que faz um Relações Públicas

Descubra o que é um Relações Públicas e que faz, incluindo assessoria de imprensa, gestão de imagem, comunicação interna e gestão de crises

No mundo moderno dos negócios e da comunicação, o papel do Relações Públicas (RP) é essencial para o sucesso de uma organização. Mas afinal, o que é um Relações Públicas e quais são as suas responsabilidades?

O que é um Relações Públicas?

Um Relações Públicas é um profissional responsável por gerir a comunicação entre uma organização e seus diversos públicos. Esses públicos podem incluir clientes, empregados, investidores, media, governo, e o público em geral. O objetivo principal do RP é construir e manter uma imagem positiva da organização, além de fomentar uma boa relação entre a empresa e seus stakeholders.

As Principais Responsabilidades de um Relações Públicas

Gestão da Imagem da Organização

Monitorização de Media:

O RP monitoriza constantemente o que está a ser dito sobre a empresa nos meios de comunicação social, isso inclui jornais, revistas, blogs, redes sociais e outros canais de comunicação. O objetivo é garantir que a organização está a ser comunicada e retratada de maneira positiva.

Criação de Conteúdo:

Para influenciar a percepção pública, os RPs produzem conteúdos mediáticos como comunicados de imprensa, artigos de opinião, discursos e outros materiais de comunicação. É da resposnabilidade do RP também gerir o conteúdo das redes sociais da empresa para garantir uma presença online consistente e positiva.

Relações com a Imprensa

Media Training:

Treinar os porta-vozes da empresa para interações com a imprensa é uma responsabilidade crucial do RP. Isso garante que eles possam comunicar mensagens de maneira clara e eficaz.

Gestão de Crises:

Quando surgem situações adversas, como catástrofes, escândalos ou falhas de produtos, o RP deve gerir a crise de forma a minimizar os danos à reputação da empresa. Isso pode envolver a elaboração de declarações públicas, a organização de conferências de imprensa e a gestão da narrativa junto dos meios de comunicação.

Comunicação Interna

Boletins Informativos ou Newsletters Internas:

Criar boletins informativos internos ou newsletters internas para manter os funcionários informados sobre os acontecimentos da empresa. Atualmente com a criação de intranets, o RP é responsável pela produção dos conteúdos informativos sobre a organização.

Eventos Internos:

Organizar eventos internos, como workshops, webinars e conferências, para promover um bom ambiente de trabalho e uma cultura organizacional positiva.

Gestão de Eventos

Planeamento e Execução de Eventos:

Planear, organizar e executar eventos corporativos, como lançamentos de produtos, conferências de imprensa e outros eventos públicos. Isso inclui desde a concepção da ideia até a coordenação logística e o acompanhamento pós-evento.

Participação em Feiras e Exposições:

Representar a empresa em feiras e exposições para fortalecer as relações com clientes e parceiros, além de aumentar a visibilidade da marca.

Relações com a Comunidade

Projetos de Responsabilidade Social:

Desenvolver e gerir projetos de responsabilidade social corporativa (RSC) que ajudem a melhorar a imagem da empresa junto da comunidade. Isso pode incluir campanhas de caridade, programas de voluntariado e outras iniciativas sociais.

Parcerias Comunitárias:

Estabelecer parcerias com organizações locais e ONGs para criar um impacto positivo na comunidade.

Análise e Pesquisa

Análise de Sentimento:

Utilizar ferramentas de análise de sentimento para entender a percepção pública sobre a empresa. Isso ajuda a tomar decisões informadas sobre estratégias de comunicação.

Pesquisa de Mercado:

Conduzir pesquisas de mercado para entender melhor as necessidades e desejos do público-alvo, ajustando assim as estratégias de comunicação para serem mais eficazes.


As qualidades que um Relações Públicas deve possuir

Para ser um RP eficaz, é preciso desenvolver um conjunto de qualidades específicas, que incluem:

  • Comunicação: Capacidades de comunicação escrita e verbal são fundamentais. Um bom RP deve ser capaz de escrever de maneira clara e persuasiva e também falar em público com confiança.
  • Gestão de Tempo: A capacidade de gerir múltiplas tarefas e prazos é essencial. O trabalho de RP pode ser muito dinâmico e exigente, exigindo uma excelente organização.
  • Criatividade: Ser criativo é importante para desenvolver campanhas de comunicação inovadoras e eficazes, trazendo novas abordagens e perspetivas sobre os temas a comunicar.
  • Relacionamento Interpessoal: Construir e manter boas relações com jornalistas, influenciadores e outros stakeholders é crucial. Qualidades de relacionamento interpessoais fortes ajudam a construir uma rede de contactos valiosa.
  • Pensamento Estratégico: Ser capaz de desenvolver e implementar estratégias de comunicação que estejam alinhados com os objetivos de negócios da organização.

A Importância dos Relações Públicas no Mundo Digital

Com o advento das redes sociais e das plataformas digitais, o papel do RP expandiu significativamente. A presença online de uma empresa pode ser um grande fator de sucesso. Os RPs agora precisam estar atentos às tendências digitais e ser proficientes no uso de ferramentas de marketing digital.

Gestão de Redes Sociais:

As redes sociais são uma parte crucial da comunicação digital. Os RPs gerem perfis de empresas, respondem a comentários e interagem com o público online.

SEO e Conteúdo Digital:

A criação de conteúdo otimizado para motores de busca (SEO) é essencial para aumentar a visibilidade online. Os RPs precisam entender como funcionam os algoritmos destes motores de busca e como criar conteúdo que atraia tráfego orgânico.

Análise de Dados:

Ferramentas de análise digital permitem que os RPs acompanhem o desempenho das suas campanhas em tempo real, ajustando estratégias conforme necessário para maximizar o seu impacto.


Concluindo, o papel de um Relações Públicas é multifacetado e crucial para o sucesso de qualquer organização. Desde a gestão da imagem à comunicação interna, passando pela gestão de crises e eventos, os RPs desempenham um papel vital na construção e manutenção da reputação e da imagem de uma empresa. Com a crescente importância do mundo digital, os RPs também se tornaram indispensáveis na gestão da presença online das organizações, garantindo que as suas mensagens cheguem de maneira eficaz aos públicos-alvo.

Apresente-nos o seu desafio e objetivos de negócio e iremos desenhar uma proposta à medida das suas necessidades.

To top